Não, ele não é o que parece...


Talvez tudo que você faça possa ser apenas mais um ato em tantos outros. Tudo que insiste em acreditar possa ser apenas mais uma ilusão em tantas. Feliz daqueles que acreditam no que acreditam, daqueles que se desapegam dos costumes e deveres que a sociedade julga ser certo. Todo mundo tem capacidade de ver as coisas com seus próprios olhos, ou seja, de julgar tudo que é bom pra si. Pra que se acomodar com algo que não o faz feliz? Por que fazer algo só por que todo mundo faz? Sim, feliz daqueles que vivem da sua maneira, que faz as coisas sem se importar com o que vão dizer. Feliz é aquele que é verdadeiro consigo mesmo.

Comente

Postar um comentário

Se você realmente leu, me importa sua opinião. Fique a vontade...