Armários e gavetas

O amor não é uma coisa que em um determinado tempo acaba. Seja porque não deu certo, porque você amou sozinho, ou por qualquer outro motivo. O amor é uma coisa que permanece. Sem ser esquecido, mudado ou rejeitado. E que talvez, com o tempo, só adormeça dentro da gente. Não é como uma roupa que você usa, usa, empresta e depois, quando envelhece, você joga fora e compra outra. Quando é amor nunca se deixa de amar. E se amar um dia, amará para sempre, ou enquanto houver vida. Não que isso signifique que você não possa ter outros amores pela vida. Mais falo como se a gente fizesse “coleção” de amores.


Como se eles ficassem guardados em algum ponto dentro do peito, servindo para alguma coisa. Porque mesmo que as varias e varias relações da vida acabem, o que foi bom, sem dúvidas irá ficar guardado. Então, para o amor não existe esse papo de tempo, distancia, decepção e etc. Se foi saudável, vai permanecer para sempre. Porque, com absoluta certeza, o verdadeiro amor nunca morre. Fica adormecido no peito, preste a acordar e trazer todo sentimento de volta.

24 Comentários

  1. Sempre li textos sobre amor, mas esse foi o mais objetivo e verdadeiro que eu já li, acredite.
    Parabéns \õ

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, muito lindo! Adorei seu texto, concordo com tudo que você disse. Acho que foi um dos que eu mais gostei *-*

    Beijoos

    ResponderExcluir
  3. Recentemente, li uma obra em que a autora afirma que o amor existe em nós. Não se pode dizer que não temos amor. Porque nós o temos, à partir do momento em que amamos. Uma coisa é não sermos correspondidos, outra bem diferente é não possuir a capacidade de amar.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Apaixonante são os seus textos.


    Beijinhoo's.

    ResponderExcluir
  5. Grande verdade,nesse belo texto!Amor nunca acaba,pode se transformar,mas permanece "acima do bem e do mal". Bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  6. Olá, amigo Rick!
    Realmente o amor é indelével para quem ama, pois deixará sua marca seja de boa ou má lembrança, no entanto, vivido ou não, vale a pena amar.
    Parabéns pela escolha de texto.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. O amor, quando verdadeiro, não morre, não acaba, não envelhece. O amor é imutável.

    Belíssimo texto.

    O mundo sob o meu olhar

    ResponderExcluir
  8. Perfeita descrição do sentimento que combate o espaço e o tempo, que aguenta mágoas e que fica guardado nas gavetas do sonhador.

    ResponderExcluir
  9. Lindíssimo! Te vi na Anne agorinha! abraço,chica

    ResponderExcluir
  10. E quando o sentimento acorda, faz chorar, faz sofrer, faz querer reviver e principalmente traz a saudade.
    Concordo com tudo que disse Rick.
    Saudade de você.
    http://maybe-i-smiled.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Lindo o texto. Mesmo.
    Obrigada pelo comentário lá no blog. Volte sempre!! =)
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  12. Olá,Rick..tudo lindo aqui.Obrigada pela visita,seguindo você também.
    Belas palavras *_*

    ResponderExcluir
  13. Acho alguém que finalmente concorda comigo. E outra alegria que me é enorme é voltar nesse cantinho tão querido. Como senti falta de blogar, venho avisar-te que tem texto novo lá no meu canto. Espero que seja bela essa sua coleção de amores.

    E quanto ao seu último comentário no meu blog, você me perguntou se poderia me fazer um tema, a proposta ainda está de pé?

    Aguardo respostas, e sua visita.

    Beijos

    http://venenosemacas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Aw, moço, que intenso.

    Bom, eu adoraria, é tu que desenhas? Tudo muito bonito por aqui.

    ResponderExcluir
  15. Obrigada, gostava que seguisses o meu outro blog, pois está mais activo:

    http://alexumpoucomaisde.blogspot.pt/Acho os seus textos lindos...
    Beijinhos*

    ResponderExcluir
  16. Concordo com tudo o que você disse.
    Vou seguir também. *-*

    ResponderExcluir
  17. Irei seguir de volta logo que achar onde se segue xD

    ResponderExcluir
  18. Aw! São muito delicados e bonitos, parabéns, moço.

    Eu queria algo bem simples, com desenhos pequenos espalhados pelo blog. Talvez algo que combine com o título Palavras Tragadas (fumaças, cigarros, coisas do tipo). Ah, pode se divertir criando, tens liberdade pra isso. YGASUGAUDS

    ResponderExcluir
  19. Quando o amor é verdadeiro o tempo não destrói. Eu acredito muito na força de um grande amor.

    Lindo Texto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Você tem um olhar bem positivo e animador sobre as coisas da vida... Isso é bom! Obrigado pela atenção! Me fez olhar para umas coisas de forma diferente...

    Sobre esse seu texto, eu acredito que a vida é movimento e por ser assim, tudo o que dela faz parte - incluindo o amor - está sujeito a mudanças, a transformações e ao fim. Se o amor não muda então também ele não pode crescer, se ampliar, contagiar o outro. E o fato de um amor acabar não significa que ele não tenha sido verdadeiro. E mesmo tendo acabado não significa que não possa ser guardado, lembrado, visitado sempre que se queira. Mas ali já não é mais ele e sim o que ele representou!
    Enfim, é só uma outra forma de pensar sobre o que você escreveu...

    Abração!!

    ResponderExcluir
  21. Oii eu estou passando para informar que o 3 Cantinho de Sonhos reabriu novamente, e dessa vez diferente... "Uma pitada do céu" de uma passandinha lá no meu blog para olhar, e se puder participar, ficarei muito grata, pois o propósito central do cantinho de sonhos, é de estarmos compartilhando palavras e opiniões.
    Bem Deus abençõe, espero poder ver você por lá participando! Abrindo o Blog já encontrara, ou no post ou na barra direita.
    asoonhadora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  22. Oi Rick, então precisamos conversar direitinho sobre o tema, mas acho que pelos comentários aqui no blog fica meio "embaralhado", enfim, vou deixar aqui o link do meu facebook, e o meu e-mail, aguardo seu contato.

    http://www.facebook.com/taina.oliveira.3382

    taina.oliveiraa@hotmail.com


    http://venenosemacas.blogspot.com/

    beijoss.

    ResponderExcluir
  23. Então vamos falar baixinho e tomar cuidado por onde pisa, porque tenho alguns que custaram a pegar no sono, e se forem acordados, vão causar estrago.

    ResponderExcluir
  24. Concordo, absolutamente.
    E gosto de pensar que amor não morre, amor mesmo permanece, está por ai flutuando por onde vemos ou mesmo guardado em armários e gavetas quieto!

    Abraço!

    ResponderExcluir

Se você realmente leu, me importa sua opinião. Fique a vontade...